Como Escolher Um Concurso Público

12 May 2019 18:19
Tags

Back to list of posts

<h1>A Introdu&ccedil;&atilde;o Do Jovem No Mercado De Servi&ccedil;o</h1>

<p>Poder&aacute; n&atilde;o parecer, por&eacute;m vida de diplomata &eacute; agitada. Voc&ecirc; deve estar acess&iacute;vel 24 horas para o servi&ccedil;o. Se pintar viagens, reuni&otilde;es com representantes de outros pa&iacute;ses ou uma negocia&ccedil;&atilde;o que n&atilde;o tem hora para cessar, voc&ecirc; deve sustentar firme, tudo em nome de sua p&aacute;tria. No entanto tamb&eacute;m possui teu lado excelente: voc&ecirc; conhece muitas culturas. Quem conta mais a respeito da profiss&atilde;o pro GUIA DO ESTUDANTE &eacute; Jo&atilde;o Mendes Pereira, diplomata h&aacute; mais de 20 anos no Minist&eacute;rio de Rela&ccedil;&otilde;es Exteriores, chamado de Itamaraty. Ora&ccedil;&atilde;o Pra Atravessar Em Provas E Concursos /p&gt;
</p>
<p>Nos dias de hoje, ele &eacute; Coordenador-Geral de Temas Econ&ocirc;micos da Am&eacute;rica do Sul. Teste: Rela&ccedil;&otilde;es Internacionais &eacute; o curso que eu almejo? A vontade de ser diplomata surgiu bem cedo para Jo&atilde;o Mendes Pereira . Teu pai era motorista do Itamaraty e, por conta disso, a fam&iacute;lia prontamente tinha morado em v&aacute;rios pa&iacute;ses.</p>

<ul>

<li>M&oacute;dulo 08 - T&eacute;cnicas de Chute</li>

<li>Religi&atilde;o e Espiritualidade</li>

<li>Estudo em ciclos</li>

<li>Recebi aluguel de dezembro/2016 em janeiro/2017. Ele entra no IRPF de 2016 ou de 2017</li>

[[image https://bitcursos.com.br/wp-content/uploads/2018/03/logo-bit-cursos-1200x1200px.png&quot;/&gt;

<li>Gest&atilde;o de Seguran&ccedil;a Privada</li>

<li>Profissional de controladoria /Controller</li>

<li>UNIVASF (Faculdade Federal do Vale do S&atilde;o Francisco) - Enem/Sisu</li>

</ul>

<p>No momento em que jovem, inclusive, cursou parte dos estudos numa universidade francesa. “Sempre foi meu vasto prop&oacute;sito de exist&ecirc;ncia, desde os dez anos. Queria seguir uma carreira que me possibilitasse viver fora, perceber novas culturas, n&atilde;o ser s&oacute; um cidad&atilde;o no Brasil, no entanto um cidad&atilde;o brasileiro no mundo”, explica. Pereira &eacute; atualmente Coordenador-Geral de Assuntos Econ&ocirc;micos da Am&eacute;rica do Sul. Como Fazer Uma Boa Reda&ccedil;&atilde;o De Um Jeito Acess&iacute;vel t&eacute;rmino do m&ecirc;s ser&aacute; promovido a Diretor do Departamento da Aladi (Agrega&ccedil;&atilde;o Latino Americana de Integra&ccedil;&atilde;o) e Integra&ccedil;&atilde;o Econ&ocirc;mica Regional. O Itamaraty, da mesma forma os outros minist&eacute;rios, tem tua sede em Bras&iacute;lia. E oferece para estagiar durante a faculdade?</p>

<p> As Escolas E Corpora&ccedil;&otilde;es Que Ajudam Os Paulistanos A Aprender No Exterior o estudante tenha essa experi&ecirc;ncia antes de definir qual &aacute;rea escoltar. Para ele, isto foi importante para tua possibilidade de trabalhar com assuntos da Am&eacute;rica do Sul. “Estagiei pela assessoria internacional do Minist&eacute;rio da Ind&uacute;stria e do Com&eacute;rcio. Acompanhava estat&iacute;sticas de com&eacute;rcio exterior, ajudava as corpora&ccedil;&otilde;es brasileiras a fazer contatos com outros pa&iacute;ses e participei, principalmente, do come&ccedil;o do programa de integra&ccedil;&atilde;o da Argentina e do Brasil, o g&eacute;rmen do que hoje &eacute; o Mercosul”, revela.</p>

<p>Como se tornar um diplomata? Para trabalhar no Itamaraty, &eacute; preciso antes ser aprovado no concurso para o Instituto Rio Branco, respons&aacute;vel por treinar e capacitar os diplomatas brasileiros. No curso de Rela&ccedil;&otilde;es Internacionais, o diplomata conta que viu alguns conte&uacute;dos que costumam cair no concurso do Rio Branco. Por&eacute;m al&eacute;m do que &eacute; visto pela gradua&ccedil;&atilde;o, &eacute; necess&aacute;rio estudar bem mais para atravessar, devido &agrave; alta concorr&ecirc;ncia: Todo ano, em torno de 1500 pessoas disputam somente vinte vagas. Teste: Tenho franc&ecirc;s essencial, intermedi&aacute;rio ou avan&ccedil;ado? Teste: Qual &eacute; o meu n&iacute;vel de ingl&ecirc;s: b&aacute;sico, intermedi&aacute;rio ou avan&ccedil;ado?</p>

<p>Desta forma, para alcan&ccedil;ar fazer o sonho de trabalhar no Itamaraty, Pereira estudou, e muito. Diariamente revisava o conte&uacute;do que era cobrado no concurso. Depois de formado, fez a prova quatro vezes, at&eacute; ir. “Al&eacute;m de me proporcionar no estudo de in&uacute;meras l&iacute;nguas, eu s&oacute; passei ap&oacute;s amadurecer e perceber que mais primordial que escrever bem &eacute; ter um bom racioc&iacute;nio”, falou. Depois de 2 anos de curso no Instituto Rio Branco, ao entrar no Itamaraty, se tornou automaticamente um diplomata. Todos os profissionais come&ccedil;am no cargo de Terceiro Secret&aacute;rio.</p>

<p>Depois de quatro promo&ccedil;&otilde;es, ele &eacute; hoje Ministro de Segunda Classe. O pr&oacute;ximo passo &eacute; o &uacute;ltimo patamar da carreira, o de Ministro de Primeira Categoria, mais conhecido como Embaixador. A rotina do profissional pode diversificar bastante. A vida do diplomata n&atilde;o &eacute; s&oacute; no Brasil. Constantemente &eacute; preciso viajar, at&eacute; para ascender na carreira, uma vez que cada n&iacute;vel do Itamaraty requer um n&uacute;mero espec&iacute;fico de horas no exterior.</p>

<p>O funcion&aacute;rio podes cuidar em pa&iacute;ses em que o Brasil tiver embaixadas, consulados ou miss&otilde;es ao lado de institui&ccedil;&otilde;es internacionais. Jo&atilde;o Mendes Pereira atua na &aacute;rea econ&ocirc;mica e agora serviu em cidades como 12 Dicas Testadas E Aprovadas Pra Atravessar (B&eacute;lgica), Montevid&eacute;u (Uruguai) e Lisboa (Portugal), e tamb&eacute;m neste instante ter feito viagens mais curtas para outros pa&iacute;ses.</p>

<p>Podes parecer uma exist&ecirc;ncia com muito glamour, todavia n&atilde;o &eacute; sempre que &eacute; f&aacute;cil viver numa cultura bem diferenciado do Brasil. Pereira conta, como por exemplo, que o parto do primeiro filho foi uma desordem. “Eu e minha esposa est&aacute;vamos morando em Bruxelas, e tive que lev&aacute;-la a um hospital pela divis&atilde;o do pa&iacute;s que s&oacute; se fala holand&ecirc;s, l&iacute;ngua que eu n&atilde;o dominava.</p>

<p>A nossa m&eacute;dica no dia n&atilde;o estava na cidade. Minha esposa come&ccedil;ou a ter contra&ccedil;&otilde;es, por&eacute;m n&atilde;o tinha dilata&ccedil;&atilde;o e estava nevando muito l&aacute; fora. Os holandeses s&atilde;o muito tradicionais nesta quest&atilde;o e privilegiam o parto normal. &Eacute; uma cultura totalmente diferente do Brasil. Minha mulher teve que atravessar mais de vinte horas sem anestesia at&eacute; ceder a luz.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License